Home > DOCES E SALGADOS > Após a alta de janeiro, demanda das empresas por crédito recuou 6,4% em fevereiro

DOCES E SALGADOS

20/03/2017 12:21 por Redação

Após a alta de janeiro, demanda das empresas por crédito recuou 6,4% em fevereiro

Quedas mais expressivas ocorreram entre micro e pequenas empresas; segundo a Serasa Experian, efeito-calendário influenciou resultado

Após o avanço registrado em janeiro – que havia interrompido sequência de quatro meses em queda -, a demanda das empresas por crédito recuou 6,4% em fevereiro, em relação a aomês anterior, segundo a Serasa Experian. No confronto com fevereiro de 2016 o recuo foi menor: -5,0%.

Os resultados mensais nos últimos quatro meses encerrados em fevereiro 2017 (os percentuais entre parênteses indicam a variação em relação ao mesmo mês do ano anterior):

• Novembro: -0,5% (-11,4%)
• Dezembro: -8,1% (-1,5%)
• Janeiro: 12,6% (6,2%)
• Fevereiro: -6,4% (-5,0%)

De acordo com os economistas da Serasa Experian, a queda de fevereiro já era esperado, dado o feriado do Carnaval. O recuo em relação a fevereiro/16 também reflete o efeito-calendário, uma vez que, no ano passado, por ter sido bissexto, houve um dia útil a mais em fevereiro.

“De qualquer modo, a alta da demanda empresarial por crédito no acumulado do primeiro bimestre ocorre apenas nas micro e pequenas empresas, logo, ainda não é possível afirmar que uma reversão mais consistente da tendência de queda na procura das empresas por crédito, característica de todo o ano de 2016, já esteja acontecendo”, analisa a Serasa.

Por porte –
Em fevereiro, em relação a janeiro, a principal queda da demanda por crédito ocorreu entre micro e pequenas empresas.

A variação da busca por crédito em fevereiro 2017, em relação a janeiro, por porte (os percentuais entre parênteses indicam a variação em relação a fevereiro/16):

• Micro e pequenas: -6,7% (-4,8%)
• Médias: -0,8% (-9,3%)
• Grandes: -0,7% (-8,9%)
Geral: -6,4% (-5,0%)

Por setor –
Em fevereiro, o setor de serviços registrou o principal declínio da demanda por crédito.

A variação da busca por crédito em fevereiro 2017, em relação a janeiro, por setor (os percentuais entre parênteses indicam a variação em relação a fevereiro/16):

• Indústria: -4,7% (-6,6%)
• Comércio: -4,1% (-7,1%)
• Serviços: -9,0% (-2,4%)
Geral: -6,4% (-5,0%)

Por região –
Todas as cinco grandes regiões do país tiveram queda no indicador em fevereiro, com destaque para as empresas do Sudeste

A variação da busca por crédito em fevereiro 2017, em relação a janeiro, por região (os percentuais entre parênteses indicam a variação em relação a fevereiro/16):

• Centro-Oeste: -4,8% (-6,8%)
• Norte: -3,4% (-7,4%)
• Nordeste: -5,7% (-8,3%)
• Sul: -4,3% (-4,2%)
• Sudeste: -7,6% (-3,2%)
Geral: -6,4% (-5,0%)

Leia também:
Demanda do consumidor por crédito caiu 7,2% em fevereiro.

'
Enviando