Home > ADVILLAGE > Google, Facebook, Twitter e WhatsApp aderem a programa do TSE

ADVILLAGE

21/10/2019 13:09 por Advillage

Google, Facebook, Twitter e WhatsApp aderem a programa do TSE

Já são 40 instituições engajadas no combate à desinformação eleitoral; foco é nas eleições municipais do ano que vem

As quatro as quatro principais plataformas de mídia social e de serviço de mensagens - Google, Facebook, Twitter e WhatsApp – devem aderir formalmente, nesta terça-feira (22), ao Programa de Enfrentamento à Desinformação com Foco nas Eleições 2020, do Tribunal Superior Eleitoral.

Com as novas adesões, o programa passará a contar com 40 instituições parceiras no desenvolvimento e execução de ações conjuntas capazes de reduzir os efeitos negativos que a desinformação pode causar no trato de temas que dizem respeito à Justiça Eleitoral e às eleições, como o sistema eletrônico de votação.

O coordenador do grupo gestor do programa, Ricardo Fioreze, que é juiz auxiliar da presidência, diz que as plataformas já vêm adotando medidas concretas de combate à desinformação, por meio da educação midiática e do desenvolvimento de novas ferramentas tecnológicas.

O programa foi instituído pela presidência do TSE em 30 de agosto deste ano para combater os efeitos negativos provocados pela desinformação no processo eleitoral brasileiro e com foco nas eleições municipais do ano que vem.

As empresas, partidos e entidades que já assinaram o termo de adesão:

• Agência Aos Fatos
• Agência Lupa
• Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert)
• Associação Brasileira de Imprensa (ABI)
• Associação Brasileira de Internet (Abranet)
• Associação Brasileira de Rádio e Televisão (Abratel)
• Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint)
• Associação Nacional dos Jornais (ANJ)
• Associação Acredito
• Associação Brasileira das Agências de Comunicação (Abracom)
• Associação InternetLab de Pesquisa em Direito e Tecnologia
• Boatos.org
• Conselho Gestor da Internet (CGI.br)
• Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil
• Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República
• Instituto Não Aceito Corrupção
• Instituto Palavra Aberta
• Instituto Update
• Ministério da Justiça e Segurança Pública
• Ministério Público Federal
• Politize!
• Avante
• Partido Comunista do Brasil (PCdoB)
• Democracia Cristã (DC)
• Democratas (DEM)
• Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB)
• Solidariedade
• Partido Progressista (PP)
• Republicanos
• Partido Trabalhista Brasileiro (PTB)
• Partido Social Cristão (PSC)
• Partido Podemos (Pode)
• Partido Democrático Trabalhista (PDT
• Safernet Brasil
• Sociedade Brasileira de Computação (SBC)
• Secretaria Executiva do Comitê Nacional do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral

Siga-nos no Twitter

'
Enviando