Home > ARTIGOS > Os desafios da busca por investimento pelos startups

ARTIGOS

21/12/2016 21:41 por Bernardo Machado

Os desafios da busca por investimento pelos startups

Roteiro básico para o acesso a capitais. A quem recorrer e o kit de indicadores para uma abordagem bem sucedida

Quando um startup deve buscar recursos no mercado? Quanto levantar? A quem recorrer? Essas dúvidas inquietam qualquer empreendedor no Brasil. O acesso a capitais ainda é um dos maiores desafios para o sucesso de negócios emergentes.

Antes de buscar recursos no mercado, o empreendedor deve ter em mente que a sua empresa precisa estar preparada a responder as questões que importam aos investidores potenciais. As dúvidas são triviais tanto quanto devem ser as respostas.

Preferencialmente, a busca por um investidor deve acontecer quando a empresa já possui potencial de crescimento à frente, não quando ela precisa de aportes para sobreviver. O investidor não é para ser visto como um salvador, e, sim, como uma ponte para um objetivo maior.

A quem recorrer?

Aceleradoras: Existem diversas aceleradoras de startups no Brasil. Elas são soluções para negócios em estagio inicial e que ainda demandam aconselhamento profissional e algum aporte de recursos para provar o seu modelo de negócio.

Investidores Anjo: São boas opções para startups que já provaram o modelo de negocio e precisam da experiência e do funding do investidor para impulsionar o plano de negócios.

Fundos de Venture Capital: Tais instituições buscam oportunidades mais maduras, em que o aporte mais expressivo de investimentos pode significar a perda de uma fatia maior da participação do negocio.

***

Cada tipo de investidor tem seu próprio critério de avaliação, mas em linhas gerais todos acabam passando pelos mesmos pontos. Os mais comuns são os seguintes:

Diferencial

Qual o problema que a empresa se propõe a solucionar? Por que a sua solução é melhor ou mais original que a dos concorrentes?

Tamanho do Mercado

O mercado é grande o suficiente para a empresa atingir um tamanho considerável e retornar o capital investido?

Equipe

Para o negócio funcionar e ter sucesso, mais vale a experiência e a capacitação da equipe fundadora que uma ideia brilhante. Ideias mudam e são copiadas, modelos de negócio muitas vezes se mostram ineficientes, mas uma boa equipe sempre saberá achar a oportunidade para cada problema.

Modelo de Receita

Como a empresa fará dinheiro? A receita é recorrente, permitindo um cash-flow contínuo, ou acontece uma única vez?

Aquisição de Clientes

Como a empresa adquire seus clientes? Qual o custo de aquisição?

Tração e Projeção

Esse ponto é fundamental para uma abordagem bem sucedida junto aos investidores. A empresa deve ter um kit de indicadores que mostrem o que já realizou, tais como: histórico da receita mensal, taxas de crescimento, projeções de resultados e expectativas.

Capitais

Passado todos esses pontos, a empresa deve avaliar, conscientemente, qual o aporte de recursos de que precisa. Se pedir pouco, poderá ficar sem caixa no meio do caminho. Se pedir muito, poderá perder a oportunidade com o investidor ou ter de entregar uma participação maior do negócio. O ponto de equilíbrio sai da relação entre o bom senso e o potencial de crescimento da empresa.

  *Bernardo Machado atua em Venture Capital como empreendedor, investidor e palestrante.

'
Enviando